terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Conto:Sede de Sangue


Era uma noite fria como qualquer outra que havia passado desde que eu resolvi me separar dele.Então Resolvi ir procura-lo naquela noite, mesmo sabendo que eu poderia perder o controle a qualquer momento.
Eu sabia que estava ficando fraca, mas eu não conseguia me alimentar, e também não havia motivo para eu controlar a minha sede, sem ele, nada mais importava....
Peguei meu carro e dirigi em direção a Cambridge o mais rápido que pude.
Estava cada vez mais fraca... Até que consegui chegar na casa de Mike.
- O que você faz aqui? Disse ele, sem olhar nos meus olhos.
- Mike, eu..eu não posso mais viver sem você. Já não tenho mais forças, mas sei que isso é errado...
- Lamento Medhaly mas foi você quem escolheu assim.
- Mas Mike você tem que entender, eu fiquei com medo,eu podia perder o controle a qualquer momento e machucar você; você não faz idéia do quanto é tentador ficar perto de você, principalmente quando estou com sede de sangue, como agora...
Nesse momento a sede só aumentava, eu quase não conseguia ouvir o que Mike me dizia. Só conseguia pensar no sabor que o sangue dele devia ter...
- Medhaly Você tem que me entender, eu não posso mais ficar com você,eu amo outra pessoa e já não suporto mais esse amor e esse ciúme doentio que você sente por mim.Além do mais, eu não sei se quero passar o resto da minha vida correndo o risco de ser morto por alguém como você!-Disse ele agora com os olhos cheios de repulsa
Nesse momento senti um cheiro doce,e gostoso que me ardia ainda mais a fome e ouvi uma voz doce e sensual vindo da conzinha e percebi que Miki não estava sozinho.
- Miki cortei meu dedo e está sangrando muito.
Eu olhei aquele sangue vemelho,que brilhava muito e eu não resisti e com o ódio que eu estava de saber que eu perdera Mike para ela acabei fazendo o que não deveria.
Miki tentou empurra-la para dentro e fechar a porta mais eu fui mais forte e o empurrei,
ele desenquilibrou e caiu batendo o ombro na espada de bronze que ficava de enfeite na parete da sala.Eu o vi caido no chão e seu sangue escorrendo por-sobre os ombros,um cheiro maravilhoso que me impinotizou em segundos e fui para cima dele,já não aguentava mais eu queria teu sangue,senti que o odio me dominara eu estava decidida a mata-lo.
- Morda-me, Vampira,Crave tuas presas em mim,Viole-me bebendo meu sangue,Teu alimento, salgado e quente Deixando que escorra por tua boca,mais não mate o Homem que amo -Disse a mulher desesperada e chorando.
foi quando eu avancei pra cima dela,
acordei do tranzi minutos depois e vi Miki morto em meus braços.

Autoras:Eliane Cristina e Fahby

3 comentários:

  1. Aar! imaginar essa cena foi excitante HUSAUHAS
    Adorei *-*

    ResponderExcluir
  2. -- Aiin... Amei o resultado *--*
    [/CoitadoDoMike... (Mentira :p) (6'

    By:Fahby

    ResponderExcluir

COMENTARIOS AQUI ('')(º,..,º)('')